quinta-feira, 30 de julho de 2015

Um novo olhar

Antes de mais nada, assista o video abaixo. 




Foi uma experiência realizada em 2007, no metrô de Washington, com Joshua Bell, um violinista respeitado internacionalmente. Seu instrumento, um Stradivarius de 3 milhões de dólares. 

Observe quantas pessoas passaram, e sequer notaram o artista. Quantos não perderam a oportunidade de parar para ouvir a beleza do espetáculo gratuito, e de ter um ícone da música clássica tão próximo. 

E quantas vezes essa cena se repete ao nosso redor...

* * *

Agradeço a Amanda Palmer por abrir meus olhos. 

Conheci seu trabalho numa palestra do site TED. E me interessei pelo seu livro, A Arte de Pedir, que ainda estou pela metade (e recomendo!), mas que já me abriu os olhos para muitas coisas, especialmente para a visão turva que temos para os artistas de rua. 

Hoje eu não consigo passar por um deles e não deixar de fazer uma conexão. Trocar umas palavras, "receber uma flor". Leia e experimente. 

Voltarei aqui para relatar outras mudanças que a leitura do livro me proporcionou.

Amanda, receba minha flor, e minha gratidão. 


3 comentários:

Anônimo disse...

Muito legal o texto Ricardo, e de fato passamos sempre de "olhos fechados" para situações ímpares no dia a dia...artistas de rua são sempre muito surpreendentes. No último que encontrei, nas férias no Panamá, um rapaz tocava violão sentado numa calçada num bairro histórico. A língua espanhola, o som do instrumento, e a voz bonita do artista fizeram eu e a Marayse parar e perguntar se ele vendia CD...pena que ele não tinha nenhum...

Curte esse: http://tvuol.uol.com.br/video/artistas-de-rua-cantando-stand-by-me-pelo-mundoemocionante-0402CC993572D8994326

Esse é um dos melhores vídeos, já assisti milhares de vezes, é de chorar!!

Forte abraço!

Felipe de Souto

Anônimo disse...

Emocionantes vídeo e texto.
Realmente, benditos os que têm "Olhos de Ver " !!!!
Pisca e aprende, pisca e repassa , pisca e agradece.
Valeu!!!!
Bjs com olhos marejados de emoção e gratidão.
Dag

Anônimo disse...

Gostei muito do video, realmente nós as vezes olhamos alguma coisa mas não enxergamos com a devida profundidade, esse pessoal do metro perderam a maior oportunidade de suas vidas. Ainda bem que tenho um filho observador e crítico, pois assim ficamos sabendo das coisas. Vá em frente filhão. Deus te abençoe e guarde. Seu pai coruja PONA.